segunda-feira, 4 julho, 2022

Vazou! Influencer Bianca Andrade em sexo à três em...

A influenciadora confirmou, durante uma entrevista, que participou de ménage com Marina Ferrari e o ex-namorado dela, Gabriel Roncatti.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

4 ferramentas digitais para o departamento de compras da sua empresa

Quando se está no meio empresarial, é difícil definir qual é o setor da empresa que é o mais caótico. Sabemos que...

4 páginas para encontrar conteúdos de vendas

Existem profissões onde por mais que você estude, se forme, tenha seu diploma que garanta que sim, você entende desse determinado assunto,...

Pousada Paraty Paradiso

Uma das MELHORES OPÇÕES da região. SOBRE Aqui na Pousada Paraty Paradiso você se torna parte...

GKay Nua!

GKay aproveitou o domingo de sol no inverno do Rio de Janeiro para curtir a piscina como veio ao mundo: pelada! A...

“Nível de escolaridade nas periferias indica que 55% dos alunos estão sem estudar” afirma especialista Rodrigo Fazito

Quatro em cada dez jovens não concluíram o Ensino Médio, revela dados do Todos pela Educação, com base no Pnad Contínua do IBGE. 55% dos alunos de periferia estão sem estudar de acordo com o Data-Favela. O nível de escolaridade no Brasil é preocupante entre jovens dos 18 aos 29 anos. Mais da metade dessa faixa etária não tem acesso ao ensino de qualidade e com o pós-pandemia, ou seja, essa fase em que a normalidade das atividades presenciais retorna, muitos não comparecem de volta às salas de aula.

Segundo Rodrigo Fazito, o tema da educação, da escolaridade é uma “pauta que ainda continua sendo abordada de forma periférica. Não se entra no centro do problema. O aluno com seus 15, 16 anos que está lutando pra terminar o Ensino Médio, sonha com a universidade, com a faculdade, quando olha pra família passando dificuldades, situação financeira precária, ele abandona os estudos pra salvar a família da pobreza”, afirma. Famílias da classe média baixa e baixa, dificilmente conseguem sustentar seus filhos nas escolas, mesmo elas sendo de regime público, porque, se falta mão de obra em casa para colocar o sustento na mesa, a escola é a última das preocupações desse núcleo familiar.

Veja Também  Netinho de Paula estreia na Rede Brasil de Televisão

O Sistema Nacional de Educação, a famosa Educação Para Todos, Escola Para Todos, não pode ser bonita só de nome, “o processo educacional também modernizar. Não acredito que a solução seja dar o estudo ao jovem, mas é incentivá-lo com programas que funcionem, de fato, e que garantam o seu permanecer na escola e na faculdade e a sobrevivência da família”, conta Rodrigo. Ele ainda traz uma experiência que assistiu nos Estados Unidos que conseguiram, através de pesquisa sobre o nível de escolaridade, “trabalhar através de auxílios governamentais, com um programa de financiamento tanto aluno, quanto para a família, porque educar é tarefa de todos. Se a família não progride junto com o filho, o ensino fica fragmentado”, complementa Rodrigo Fazito.

Veja Também  Anitta rebate críticas e defende o SUS: “Já precisei até pouco tempo atrás”

O sistema de financiamento que Rodrigo Fazito cita, segundo ele nos conta, o aluno terá a chance de se formar, de se empregar e futuramente, ser cobrado, de acordo com o que ganha em seu emprego, sem taxas adicionais. Os filhos, os jovens, não estão dispostos, e nem devem abandonar a família, deixa-los num nível de dificuldade, sobretudo econômica em nome de uma educação acadêmica. Todos são envolvidos no processo educacional, a começar pela família, e se ela não progride e caminha junto, o resultado final pode não ser um dos melhores.

Para concluir, Rodrigo Fazito afirma que por mais que uma mensalidade numa faculdade seja mais em conta, pra uma família sustentar seu filho nos estudos ainda é um tabu muito grande. “Hoje um colégio particular estar em torno dos R$500, R$600 reais. Se os pais já tem dificuldades de pôr comida na mesa com o que ganham, qualquer valor cobrado numa faculdade, será pesado demais. Investir em educação é um trabalho a longo prazo, não pode ser a conta gotas. Precisamos investir em um programa que funcione ano após ano, sem evasão escolar e com educação de qualidade para todos”, conclui.

Comentários

Latest Posts

4 ferramentas digitais para o departamento de compras da sua empresa

Quando se está no meio empresarial, é difícil definir qual é o setor da empresa que é o mais caótico. Sabemos que...

4 páginas para encontrar conteúdos de vendas

Existem profissões onde por mais que você estude, se forme, tenha seu diploma que garanta que sim, você entende desse determinado assunto,...

GKay Nua!

GKay aproveitou o domingo de sol no inverno do Rio de Janeiro para curtir a piscina como veio ao mundo: pelada! A...

MAIS VISTAS

Luisa Sonza tem nude postado em rede social e desabafa: VEJA FOTO!

A cantora Luisa Sonza, casada com o humorista Whindersson Nunes, foi alvo de um ataque em sua rede social, na manhã deste domingo (03). O invasor...

Completamente Nua, Naiara Azevedo esbanja beleza e sensualidade: ‘Maravideusa’

Cantora deu o que falar na web com clique pra lá de ousado e conseguiu atingir 106 mil curtidas dos seguidores.

Vereadora tem vídeo íntimo vazado na internet e fala em se matar

Maria Helena (PSD), afirmou que está bastante abalada e até chegou a pensar em tirar a própria vida após ter vídeo íntimo...

Mulher filmada em cena de sexo no show de Henrique e Juliano denuncia estupro

Vídeo do momento viralizou nas redes sociais; divulgar imagens íntimas é crime e pode gerar pena de um a cinco anos.

Modelo, dançarina e influenciadora digital Etiane Felix recebe proposta para ser a capa da revista Sexy

No auge dos 30 anos, Etiane Felix, mais conhecida como Japonegra, inspira outras garotas e mulheres que sonham em fazer da internet...

COMO VOCÊ GASTA O SEU TEMPO?

Assine a newsletter do PORTAL !YOBA e receba conteúdo exclusivo para seu dia.

Comentários
%d blogueiros gostam disto: