segunda-feira, maio 27, 2024

Últimas Notícias

Gatos: 5 nutrientes essenciais na alimentação deles

Tutores devem estar atentos à composição e optar por alimentos de alta qualidade, que atendam às especificidades do pet

Assim como para os humanos, uma alimentação completa e balanceada faz toda a diferença também na vida gatos. E os tutores buscam, a cada dia mais, alimentos que promovam saúde, longevidade e o bem-estar do felino ao longo de toda a vida.

O primeiro passo é “decifrar” cada um dos ingredientes que aparecem no rótulo do alimento. “Os tutores devem ficar atentos à composição do alimento, optando por produtos com nutrientes de alta qualidade e que atendam às especificidades do pet”, indica a médica-veterinária Marina Macruz, supervisora de Capacitação Técnico-Científica e Técnico-Comercial da PremieRpet.

Marina alerta que um alimento completo para os gatos deve garantir a quantidade adequada de cada nutriente e explica a função deles no organismo do pet.

  • Proteínas – Gatos são carnívoros estritos, por isso um alimento à base de proteína animal é fundamental para o desenvolvimento muscular, de pele e pelos, além do bom funcionamento e harmonia fisiológica, uma vez que certos aminoácidos essenciais estão presentes, principalmente, na proteína de origem animal. Um bom alimento é composto por diferentes fontes de proteína com alta digestibilidade, e a deficiência deste nutriente nos pets pode causar letargia, perda de massa muscular, comprometimento da função imunológica, alterações no desenvolvimento, alterações de pele, e etc.
  • Gorduras – A gordura é fonte de energia e de ácidos graxos essenciais (ômega 3 e 6), compõe a membrana das células e proporciona mais paladar ao alimento. Os gatos apresentam alta capacidade para digerir e metabolizar esse nutriente, ou seja, são adaptados ao alto consumo de gordura. O excesso de gordura no alimento pode predispor ao excesso de peso apenas em situações nas quais a quantidade diária de alimento não é controlada. Para gatos, o alimento deve ter um teor mínimo de 9% de gordura. A deficiência deste nutriente pode ocasionar alterações dermatológicas, distúrbios cognitivos e alterações reprodutivas.
  • Taurina – A taurina é um aminoácido essencial para gatos, e está presente apenas em tecidos animais. Como os gatos não conseguem sintetizar taurina em quantidades suficientes, ela deve ser fornecida por meio da dieta. A deficiência de taurina em gatos pode causar degeneração central de retina, cegueira, insuficiência cardíaca, surdez e alterações reprodutivas.
  • Vitaminas e minerais – Gatos necessitam de uma variedade de vitaminas e minerais para manutenção da saúde. São particularidades dos felinos a incapacidade de sintetizar vitamina A através do beta-caroteno, a maior necessidade de vitamina B6 e a menor capacidade de utilizar a vitamina D de origem vegetal (Vitamina D2) em comparação à vitamina D de origem animal (Vitamina D3). A deficiência de vitamina e minerais pode, de forma geral, causar uma ampla gama de alterações, incluindo perda de peso, descoordenação motora, ulceração de língua, conjuntivite, surdez, fotofobia, catarata, abortos e formação de neonatos frágeis ou com defeitos congênitos, comprometimento do sistema imunológico, alterações de pele e pelagem, alterações ósseas, e etc.
  • Água – A água é o nutriente mais importante do organismo no que se refere à capacidade de sobrevivência, tanto que a perda de apenas 10% da água corporal pode resultar em morte. Por isso, é extremamente importante que o tutor esteja sempre de olho se o animal está consumindo água suficiente para se manter saudável. O ideal é que o pet consuma entre 50 à 70mL de água por kg de peso por dia. Uma forma de aumentar o consumo de água pelos gatos é fornecer alimento úmido como parte da alimentação. O baixo consumo de água pode aumentar as chances de formação de cristais e cálculos urinários (urólitos), pois a urina fica mais concentrada, aumento do trabalho renal para concentrar a urina, o que talvez esteja associado a maior risco de desenvolvimento de doença renal crônica (doença mais frequentemente diagnosticada em gatos em comparação a cães) e infecções urinárias. 

A alimentação deve sempre levar em conta o estilo de vida do gato, faixa etária, se o animal é ou não castrado e se tem alguma doença. Os alimentos de alta qualidade, e nas quantidades certas, proporcionam uma boa nutrição ao longo de toda a vida. Lembre-se: um gatinho bem alimentado é um gatinho mais saudável e feliz!

Sobre a PremieRpet®Desde 1995 a PremieRpet® existe para tornar a relação das pessoas com seus animais de estimação a mais próxima, prazerosa e longa possível. Uma empresa orgulhosamente brasileira, especialista em alimentos naturais de alta qualidade para cães e gatos, é detentora das marcas PremieR, GoldeN e Vitta Natural. Com uma trajetória pautada pela inovação constante e direcionada pelo consumo consciente em todos os níveis de atividade, a PremieRpet® prioriza a alta qualidade dos insumos e o bem-estar animal. É destaque no segmento super premium por oferecer a melhor nutrição para cães e gatos em todas as fases da vida. O portfólio da marca inclui alimentos secos, úmidos e cookies, com mais de 300 itens comercializados exclusivamente em pet shops e clínicas veterinárias. Mais informações no site www.premierpet.com.br e pelo PremieRpet® Responde: 0800 055 6666 (de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30).

Latest Posts

MAIS VISTAS

Pular para a barra de ferramentas