segunda-feira, maio 27, 2024

Últimas Notícias

É freelancer e recebe em dólar? Veja 3 métodos para planejar gastos e dividir investimentos

Especialista compartilha maneiras diferentes de separar o salário entre gastos e aplicações, estratégias essenciais para gerenciar finanças

Que a organização é essencial para lidar com as finanças, todo mundo sabe. Em especial, quando se recebe o salário em dólar, um cenário comum entre profissionais freelancers que trabalham remotamente para empresas dos Estados Unidos. A valorização da moeda em relação ao Real permite que o salário renda mais, caso o funcionário more no Brasil, além de ser um importante ativo no mercado financeiro global. Mas nem por isso o planejamento adequado deve ser deixado de lado. 

“Ganhar em dólar é um sonho para muitos profissionais, mas é preciso estar atento às obrigações fiscais e conseguir aproveitar ao máximo a oportunidade de ganhar em uma moeda economicamente tão forte. Então, profissionais autônomos, assim como os contratados, devem organizar as finanças para tirar o melhor proveito dessa oportunidade”, comenta Samyra Ramos, gerente de marketing na Higlobe, fintech de pagamentos para profissionais brasileiros que trabalham remotamente para os EUA. 

Pensando nisso, a especialista apresenta três métodos interessantes para gerir o dinheiro. Confira:

50-30-20

Esta técnica ajuda a dividir o salário de forma descomplicada. Some todas as fontes de receita e, depois da dedução de impostos, faça a divisão: 50% do valor deve ser para gastos fixos e indispensáveis (aluguel, mercado, etc); 30% para gastos variáveis e que são menos essenciais (lazer, compras, etc); e 20% desse montante deve ser separado como reserva financeira, para seus objetivos ou imprevistos.

60/20/10/10

Com o mesmo propósito do método anterior, este é mais propício para aqueles que gostam de investir e pensam a longo prazo. Da soma dos rendimentos, 60% deve ir para gastos indispensáveis; 20% é para despesas mais livres e do dia a dia; 10% para a conquista de um sonho; e, por último, 10% voltado a uma carteira de investimentos.

6 potes

Um pouco diferente dos outros, este método consiste em distribuir o dinheiro em mais categorias e com um percentual bem diferente: em um “pote”, 55% devem ir para necessidades básicas; 10% para investimento de longo prazo, como aposentadoria; 10% para emergência; 10% para cursos e educação; 10% para lazer e diversão; 5% para doações em ONGs, presentes, entre outros. 

“Avalie como cada método funciona para entender o que faz mais sentido para sua realidade. Questões financeiras mudam com cada necessidade diferente, o que não muda é a importância de uma maior organização financeira. Com um bom planejamento e plataformas de confiança, é possível gerir seu salário em dólar sem dores de cabeça”, complementa a gerente da Higlobe.

Sobre Higlobe, Inc.

A Higlobe, Inc. é uma empresa de tecnologia financeira que veio revolucionar o mundo dos pagamentos internacionais. Foi fundada em 2020 por Teymour H. Farman-Farmaian e Jeff Bolton, que usaram suas experiências globais para construir uma solução de transferência de pagamento internacional com operações rápidas e sem taxas de transação. Os investidores da Higlobe incluem Battery Ventures, TTV Capital, FjLabs, Reciprocal Ventures, Raptor Group e o empresário Gokul Rajaram.

Latest Posts

MAIS VISTAS

Pular para a barra de ferramentas